Cabeleireiro sofre agressão e fica com o rosto desfigurado no norte da Bahia: ” Não vou mudar meu jeito de ser”

Um jovem de 23 anos ficou com rosto desfigurado depois de ser agredido por um homem com um copo de vidro, no bairro Novo Encontro, em Juazeiro, norte da Bahia. Em entrevista ao G1, nesta sexta-feira (24), Jackson Ruan Rodrigues dos Santos disse ter sido vítima do crime de homofobia
Em uma postagem nas redes sociais, ele conta que na noite do último sábado (18), quando deixava a casa da avó, o homem o seguiu e perguntou se ele era menino ou menina.
“Ele tentava me pegar e eu continuei andando sem dar atenção. Fiquei com medo. Quando ele perguntou se eu era menino ou menina, eu parei e olhei para ele. Então ele veio em cima de mim e quebrou um copo no meu rosto. Eu corri e meus familiares me socorreram. Se eu não tivesse corrido, poderia ter acontecido algo pior. Isso aconteceu a uns 40 metros da casa da minha avó, em um bairro que eu cresci, onde todos me conhecem”, relatou o Jackson.
A denúncia do jovem não ocorreu somente na esfera policial. Antes mesmo de ir à delegacia, Jackson contou sobre a agressão em uma rede social.
“Eu não vou me esconder e nem me privar por uma coisa que eu não fiz, muito menos mudar o meu jeito de ser. Eu sou gay e isso não vai mudar em nada”, destacou na rede social.
Jackson procurou a polícia com dois advogados, e o caso está sendo inestigado pela polícia da cidade.

Deixe uma resposta

Chat
Rádio Nova Santo Amaro
Rádio Nova Santo AmaroEnvie sua notíciaWhatsApp
Ouvinte da Rádio Nova Santo AmaroPeça o seu somWhatsApp
Divulgue o seu negócio, aumente a sua visibilidade e feche mais vendas.Departamento ComercialWhatsApp

Send this to a friend